Instituto Compartilhar recebe o movimento Vôlei do Seu Jeito

Publicado em: 27/06/2017 18:22

De Curitiba (PR) - 27.06.2017

Na semana que antecede a Fase Final da Liga Mundial, a capital paranaense está recebendo ações de envolvimento com a comunidade local. O movimento Volleyball Your Way - Vôlei do Seu Jeito - lançado durante os Jogos Olímpicos do Rio, está sendo levado às escolas, hospitais e entidades sociais. Desenvolvido pela Federação Internacional de Voleibol (FIVB), o movimento tem a parceria da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e da Federação Paranaense de Voleibol (FPV).

O Vôlei do Seu Jeito celebra o voleibol em todas as suas formas, independentemente de como ele é jogado, reunindo pessoas de qualquer idade, estimulando a prática de diferentes maneiras. As atividades serão realizadas antes, durante a após a Fase Final da Liga Mundial, que acontece entre os dias 4 e 8 de julho na Arena Atlético Paranaense. O movimento engloba uma abordagem multidimensional reunindo diferentes temas que vão do esporte às artes e música, incluindo integração social, meio ambiente e sustentabilidade.

Nesta terça-feira (27.06) foi a vez do Instituto Compartilhar realizar as práticas do Vôlei do Seu Jeito ao lado dos embaixadores Giba, Emanuel e Elisângela (Lili).  O instituto nasceu com o projeto Centro Rexona de Excelência do Voleibol, que unia uma equipe profissional de voleibol feminina e um projeto social, ambos idealizados e dirigidos pelo técnico multicampeão, Bernardinho. Na época, o Núcleo Central do projeto era realizado no famoso Ginásio Tarumã em Curitiba, mesmo local de treino do Rexona (hoje Sesc-RJ). Foi a partir dessa experiência bem sucedida que surgiu o Instituto Compartilhar.

De 1997 para cá, muita coisa mudou, até mesmo o nome do projeto, mas o seu propósito sempre continuou o mesmo: mudar vidas para melhor. No Brasil são 42 núcleos, 16 deles localizados no Paraná. Em Curitiba está o núcleo central que leva o nome de Vôlei em Rede. O projeto no Estado conta com a participação de 1.800 crianças, de um total de 3.700 em todo o país. Este ano o núcleo de Curitiba completa 20 anos e atende 600 crianças de 9 a 15 anos.

Para o gerente executivo do Instituto Compartilhar, núcleo de Curitiba, Luiz Fernando Nascimento a presença de ídolos como o Giba, Lili e Emanuel é fundamental. “O projeto nasceu com essa simbiose entre uma equipe profissional, com Bernardinho e Fernanda Venturini, Érica, Ana Volponi e um projeto social ao lado. Isso sempre trouxe para as crianças uma inspiração muito importante. Óbvio que a gente não vive disso. Vivemos do carinho e da atenção que os professores dão para as crianças, pois é nessa relação que o projeto social se fortalece. Porém, a presença desses ídolos traz um novo estímulo tanto para as crianças quanto para esses professores. Isso demonstra também o reconhecimento do projeto como um local de transformação social e esse é ponto mais importante. Dos oito professores que temos hoje, quatro são ex-alunos que, motivados por seus monitores, cursaram educação física, vieram fazer estágio e agora são contratados para dar aula onde eles aprenderam o voleibol. O resultado disso tudo é que de fato este é um projeto vitorioso que, além de divulgar a modalidade, busca também formar pessoas melhores”, afirmou Nascimento.
 
A embaixadora do movimento Vôlei do Seu jeito, Elisângela, já é familiarizada com o projeto e pode relembrar um pouco do que viveu quando integrava a seleção brasileira e treinava no Tarumã. “O Instituto tem um trabalho diferenciado e essas crianças são privilegiadas por fazerem parte desse projeto que é referência em todo Brasil, e talvez no mundo pois tem o nome do Bernardinho atrelado. A cidade de Curitiba sempre sai na frente por ter um projeto como esse. Estar revivendo isso aqui e voltar nesse ginásio onde me preparei para as Olimpíadas de Sydney é uma imensa alegria. Então sempre que eu posso estar aqui, perto dessas pessoas, e do Instituto Compartilhar eu agradeço. Faço isso com prazer e satisfação”, declarou Lili.

Os ingressos para a Fase Final da Liga Mundial podem ser adquiridos pelo site do Atlético Paranaense ( https://www.ingressoscap.com.br/ ), na loja da Disk Ingressos no Shopping Palladium e nos quiosques Disk Ingressos do Shopping Mueller, Shopping Estação e Shopping Crystal. A compra do ingresso permite acesso aos dois jogos de cada dia do evento.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais